A Travessa Roque Adóglio pede apoio contra ameaça de DESTRUIÇÃO.

A Travessa Roque Adóglio pede apoio contra ameaça de DESTRUIÇÃO.

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 2.500!
Com 2.500 assinaturas, é mais provável que esta petição apareça na mídia!
Coletividade da Travessa criou este abaixo-assinado para pressionar Prefeitura de São Paulo e

Somos moradores do bairro da Vila Anglo Brasileira, onde fica a Travessa Roque Adóglio. Desde 2016 resolvemos dedicar um pouco da nossa atenção e cuidado a esse espaço público, que por se tratar de uma passagem de pouca visibilidade tende a ser usado apenas como ponto de descarte de entulho e lixo. Realizamos ali uma série de melhorias, como instalação de obras artísticas, plantio de árvores, melhoria da iluminação, entre outras, o que fez desse espaço um lugar mais agradável e habitável.

Destaca-se na Travessa a existência de um lago, resultado do aproveitamento da água de uma nascente em uma rua próxima. A sua presença em uma cidade concretada como São Paulo, traz um suspiro de vida para o bairro. Ali vivem diversos peixes que recebem os cuidados de inúmeros passantes, entre eles crianças acompanhadas de familiares, trabalhadores indo ou voltando da lida diária, vizinhos e ainda pessoas em situação de rua. Esses últimos também se beneficiam de uma torneira que disponibiliza essa mesma água para diversos usos de higiene pessoal, algo básico que não deveria ser negado a nenhum ser humano. O impacto social dessa torneira pública é imenso. O lago foi construído comunitariamente a cerca de 3 anos, foi pintado pelas crianças da CEI Vila Anglo, é cuidado por todos que circulam pela Travessa e já faz parte da vida do bairro. Além disso temos ali o Poço do Córrego Água Preta, onde o mesmo pode ser observado, causando uma reconexão com os rios urbanos soterrados em toda a cidade, bem como outras obras artísticas que fazem da vida urbana algo menos árido e duro. Soma-se a tudo isso uma variedade de árvores e arbustos que ali foram plantados e que tornam o ambiente mais verde e menos cinza.

Bem, tudo isso aqui apresentado, conquistado a duras penas, por meio de um esforço coletivo e comunitário, está em risco. Um projeto da Prefeitura, de expansão de ciclovias pela cidade, algo importante e desejável, ameaça destruir isso tudo que foi realizado pelos moradores do bairro da Vila Anglo Brasileira. Não somos contra a ciclovia, mas queremos que sua implantação respeite essa iniciativa popular já enraizada no bairro. Queremos que a faixa exclusiva para as bicicletas demarcada na rua pare na entrada da Travessa e reinicie no outro extremo já na rua novamente. Não há necessidade de demarcação exclusiva para bicicletas dentro da Travessa, pois essa já é restrita a uso de pedestres e ciclistas. Queremos mais ciclovias na cidade, mas não queremos a destruição da Travessa Roque Adóglio.

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 2.500!
Com 2.500 assinaturas, é mais provável que esta petição apareça na mídia!