Petition Closed

Pelo fim das pedras portuguesas nas ruas de Copacabana. Por uma calçada mais acessível !

This petition had 372 supporters


Bem-vindo à cidade paralímpica! Me chamo Monique Moreira Pegado e sou cadeirante. Sempre quando ando pelas calçadas desniveladas e esburacadas, rampas mal construídas, bueiros rebaixados, penso "quando isso vai mudar?". Após desviar de vários buracos ao longo da minha vida, caí em Copacabana. Minha cadeira de rodas prendeu num buraco, girou e caí, batendo com a cabeça no chão. Então, resolvi montar a petição para que a mudança aconteça.

Infelizmente, o bairro com o maior número de idosos do Rio, com seu extenso número de cadeirantes, sofre devido à má conservação das calçadas de pedras portuguesas. Muitos sāo os causadores dessa calamidade, falta de profissionais qualificados, desinteresse por parte dos imóveis, intervenções da Light, Cedae, empresas de telefonia, etc... Difícil andar pelas calçadas sem que não esteja faltando aquela pedrinha que vai fazer seu pé torcer, prender as rodas dos carrinhos de bebê ou das cadeiras de rodas. Esse tipo de calçamento é ainda mais perigoso para as pessoas com deficiência motora e visual, sem deixar de nos esquecermos dos inúmeros idosos do bairro.

Atualmente, devemos buscar uma calçada que atenda a todos, onde todos nós tenhamos o direto de ir e vir em segurança. Levando em consideração a funcionalidade, ao invés de conceitos puramente estéticos.

Antigamente, era viável ter esse tipo de calçamento, mas a realidade é que o Rio não tem mais condições de ter e manter calçadas com pedras portuguesas. Muitos têm sido os defensores das pedras portuguesas. A fundamentação é sempre baseada em exemplos de cidades portuguesas “as ruas são lindas, é quase impossível ver pedra fora do lugar em Portugal”. Porém, a realidade é que mesmo em Lisboa, após pressão popular, o calçamento será trocado devido à falta de manutenção e de qualidade da calçada e os problemas de acessibilidade e segurança. Uma realidade que não tem peso no Rio de Janeiro.

Quantas e quantas pessoas estão andando e caem devido a esses buracos? Quantas pessoas terão que se machucar sem ter qualquer tipo de mudanças? Muitos são os acidentes que acontecem diariamente por causa desses buracos. Uns se machucam levemente, outros mais graves. A vida das pessoas deveria estar em primeiro lugar.

Quando se fala em pedras portuguesas, pensamos no calçadão da orla. Não estou falando em retirar essas pedras de lá, por questões históricas. Na orla ainda existe um aparato por parte da prefeitura para manter esse tipo de calçamento. O que deve ser mudado é o calçamento das ruas internas do bairro. Algo que por lei já deveríamos ter desde 2007, após a aprovação da Câmara Municipal. Porém, a realidade é que de lá para cá quase nada mudou.

Pedimos apoio público para que a prefeitura construa calçadas acessíveis a idosos, deficientes físicos e visuais. Devemos sobrepor questões estéticas e culturais, pois nada mais bonito que uma calçada onde todos tenham o direito de ir e vir preservados.

Ao criar a petição para Copacabana, pensei em agirmos por partes, abrindo precedentes para os outros bairros.

Gradativamente, mudaremos a cidade!
Peço a ajuda de vocês para isso!
Se você assinou, compartilhe.



Today: Monique is counting on you

Monique Pegado needs your help with “Pelo fim das pedras portuguesas nas ruas de Copacabana. Por uma calçada mais acessível !”. Join Monique and 371 supporters today.