Pela Reabertura do Circo Escola e do CEDESP da São Remo!

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 2.500!


A população da comunidade Jardim São Remo, favela de mais de 10 mil habitantes localizada atrás da Cidade Universitária da USP no Butantã, pede seu apoio para pressionar a Prefeitura de São Paulo pela reabertura do Circo Escola e do Cedesp!

O Circo Escola é uma iniciativa gerida pela Social Bom Jesus que atendia cerca de 300 crianças e adolescentes em atividades como dança, teatro, percussão, circo, capoeira e assistência a primeira infância, e o Cedesp é um centro social que atendia 160 adolescentes, jovens e adultos em cursos de iniciação profissional, foram fechados pela Prefeitura através da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS).

O espaço onde esses serviços funcionavam, localizado em terreno cedido pela Faculdade de Odontologia da USP, também servia a diversos grupos culturais da comunidade São Remo, totalizando o fluxo de aproximadamente 800 pessoas mensalmente. Infelizmente, as atividades foram suspensas porque “a área oferecia risco aos usuários”, de acordo com o órgão responsável pela fiscalização do local, uma vez que a prefeitura e e a subprefeitura do Butantã pouco fizeram pela manutenção do espaço e das instalações.

Hoje, quase 1 ano depois do fechamento, os equipamentos estão em péssimas condições de uso, com rachaduras e infiltração, sem falar na falta de segurança, que levou a atos de vandalismo e invasões.

Sendo assim, pedimos sua assinatura para reivindicar da Prefeitura do Município de São Paulo:

 a) a celebração de convênio com o CEDESP e a Social Bom Jesus, para o retorno imediato das atividades oferecidas;

 b) a reforma dos equipamentos e limpeza do local das atividades;

c) e abertura de edital para que a Social Bom Jesus volte a administrar os serviços no local.

 

ASSOCIAÇÃO DOS MORADORES DO JARDIM SÃO REMO