Vitória

Não fechem o SESI 406!

Este abaixo-assinado foi vitorioso com 963 apoiadores!


Sabe-se que atualmente o Brasil passa um seria crise econômica e são necessários cortes de custo, porem no ano de 2015, todos funcionários, os pais de alunos e os próprios alunos da rede SESI e SENAI se mobilizaram na campanha “Não vamos pagar o pato!”, através de pequenas manifestações nos bairros das escolas, abaixo assinado onlines, como forma de conscientizar a população de todo o problema, justamente para que não houvesse o corte de custo no sistema S, resultando em diversas unidades da rede SESI e SENAI fechadas, centenas de funcionários demitidos, superlotação das salas de aula, agravando ainda mais o sistema de ensino. Todos apoiaram realmente a causa.

Mas ao fechar a unidade 406 do SESI do jd. Itapark, resulta numa injustiça com os mesmos alunos que ajudaram e se manifestaram para que o sistema S continuasse com o mesmo investimento. Simplesmente fechar esta unidade porque é um edifício antigo, não justifica o fato de centenas de criança e jovens adolescentes serem tratados com simples objetos, que estão em um lugar e os colocam em outro. Isso é justo, com alunos, pais e funcionários, que lutaram por algo que acreditavam e agora perdendo o que é seu por direito? Essa é uma forma de recompensa? Os pais, alunos e funcionários, não lutaria para  achar outra solução, que não seja fechar a unidade? Será que pensaram em todos os problemas que isso acarretará? Como, gastos extras com transportes particulares, aumento do desemprego por parte dos funcionários, etc. Por que fechar esta unidade agora, já que não estamos tão no ápice da crise como a há alguns meses atrás? Da mesma forma que ocorreu a cooperação de todos, para enfrentarem o corte de custo no sistema S, o mesmo deveria ser feito para este problema, pois é fato que todos também se mobilizariam para que a unidade não fechasse.

Para que um sistema de ensino seja efetivo e completo, é necessária uma colaboração dos pais, alunos, professores, diretores e funcionários, uma comunicação efetiva, o exercitar da democracia, para que novas soluções sejam geradas, e como cidadãos, para que se possa exercer a chamada cidadania e também poder usufruir do que é dado por direito pela constituição brasileira, no caso a educação, e não simplesmente fechar a unidade. Fechar esta unidade, seria dar as costas, para as gerações que se formaram, e hoje possuem um futuro brilhante, dos esforços de cada funcionário que sempre deram o seu melhor, para que cada aluno fosse muito bem acolhido e recepcionado. Algumas conquistas seriam lançadas ao esquecimento, como o primeiro lugar no torneio de robótica de 2015. Vínculos de amizades seriam quebrados, rotinas completamente mudadas e sonhos talvez sendo destruídos devido a novas mudanças, tudo por algo injusto.

Fechar algumas unidades aparentemente resolve um problema, mas na verdade isso é somatizar problemas já existentes, e como consequência gerar novas problemas. E justamente fechar esta unidade, resultará em salas de aulas superlotadas, pois cada aluno do SESI 406, será transferido para o SESI 397, que por sinal não comportará tantos alunos, por ser um prédio pequeno e não possuir tanta estrutura. Gerando também a queda da qualidade de ensino, pois com 30 alunos já é difícil fazer com que todos consigam aprender, quem dirá com 50 ou 60, quem sabe até mais. Não somente essas coisas, mas a manifestação do caos em lidar com tantos alunos, com poucos funcionários em um prédio pequeno.

Enquanto a preocupação com a educação brasileira e o sucesso de que cada cidadão brasileiro tenha acesso e aprenda de fato, não for maior do que a preocupação com a economia do país, o Brasil continuará convivendo sempre com os mesmos problemas, pois com a educação dos próprios cidadãos e a participação dos mesmos, para enfrentar as dificuldades, resulta efetivamente na melhora do país, devido ao desenvolvimento do senso crítico, e a capacidade de lidar com serias decisões.

Junte-se a nós nessa causa, vamos fazer a diferença e lutar pela educação que é nos dada por direito.



Hoje: Yago está contando com você!

Yago Matos precisa do seu apoio na petição «Paulo Skaf: Não fechem o SESI 406!». Junte-se agora a Yago e mais 962 apoiadores.