Parem o desmatamento da praia na Barra da Tijuca! Não precisamos dessas obras!

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 1.000!


Há pouco mais de um mês começou o desmatamento de uma das poucas áreas verdes que ainda restam entre o posto 1 e posto 6 da Avenida Lúcio Costa, na Barra da Tijuca, em frente a praia.

A área, apesar de pequena, abriga uma série de pássaros, capivaras, lagartos e vegetação nativa. Contudo, de uma hora para outra, caminhões abriram um clarão em meio ao verde para o suposto alargamento de duas avenidas, em um local onde não há fluxo de carros ou congestionamentos contínuos que justifiquem o desmatamento de uma área verde tão importante, não apenas para o meio ambiente, mas para toda a população.

Nos ajudem a preservar o pouco de mata que ainda nos resta neste planeta. Não faz sentido a destruição de árvores antigas para instalação de prédios e avenidas que atendem apenas ao interesse de poucos. A área que está sendo desmatada, para alargamento de 2 avenidas, em uma região praticamente residencial, não trará desenvolvimento econômico ou social que justifique a destruição do meio ambiente.

É uma das únicas e poucas áreas verdes que restaram conectando a Avenida Lúcio Costa ao Canal Marapendi, na altura da ponte Lúcio Costa. O desmatamento nas regiões próximas às praias do Rio de Janeiro é uma triste realidade que já existe há alguns anos. Restam ainda poucas áreas preservadas e com vegetação nativa, as quais acabam dando lugar a construções civis e avenidas que nem sempre justificam sua efetiva importância econômica e social para a população local ou sociedade como um todo.

Nos ajudem a salvar o que ainda restou de área verde na região, pelo nosso planeta, pelo nosso clima, pela nossa sobrevivência!



Hoje: VANESSA está contando com você!

VANESSA LOPES precisa do seu apoio na petição «Parem o desmatamento da praia na Barra da Tijuca! Não precisamos dessas obras!». Junte-se agora a VANESSA e mais 724 apoiadores.