PENSÃO ALIMENTÍCIA NÃO É RENDA E NÃO DEVE SER COMIDA PELO LEÃO (I.R.)!

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 100!


O recebimento de pensão alimentícia tem por objetivo pagar parcialmente os custos relativos a criação dos filhos (escolas, material escolar, uniformes, cursos extracurriculares, merenda, roupas, lazer, inserção da criança no mundo digital, custear moradia, etc...). Quando uma mãe vai fazer a declaração anual de IR, ela é taxada pelo recebimento destes valores recebidos mensalmente como se estes valores fossem uma RENDA! Isso precisa mudar. Em geral as mães já pagam muito mais pelas despesas dos filhos pois, no dia a dia, durante o ano, os gastos superam o que está previsto na pensão. E ainda tem que pagar ao governo sobre o recebimento de pensão, como se estivesse recebendo uma RENDA? Isso esta ERRADO! A forma de se alocar o valor recebido como pensão alimentícia precisa ser modificado na DECLARAÇÃO DE IR! O conceito de RENDA do IR precisa ser revisto para a pensão alimentícia. 

 

 



Hoje: Juliana está contando com você!

Juliana Brandao Magalhaes precisa do seu apoio na petição «OAB: PENSÃO ALIMENTÍCIA NÃO É RENDA E NÃO DEVE SER COMIDA PELO LEÃO (I.R.)!». Junte-se agora a Juliana e mais 9 apoiadores.