Pela manutenção das prisões dos deputados Picciani, Paulo Melo e Albertassi

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 15.000!


Sem pressão, nada mudará!

O Presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (ALERJ), Jorge Picciani, junto com dois outros proeminentes caciques do PMDB/RJ, Paulo Melo e Edson Albertassi, tiveram suas prisões decretadas pelo Tribunal Regional Federal do RJ, no âmbito da operação denominada "Cadeia Velha".

Ocorre que os deputados da ALERJ chegaram a revogar a prisão, em sessão extraordinária. Mas a Justiça determinou novamente a prisão dos três. Agora, cabe ao Supremo Tribunal Federal (leia reportagem aqui) decidir se eles devem ser soltos ou continuar presos.

Considerando que a Constituição do Estado do Rio define em seu Artigo 1º que "O povo é o sujeito da Vida Política e da História do Estado do Rio de Janeiro" e reafirma em seu Artigo 2º que "Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição",

Convocamos a todos a assinarem este abaixo-assinado para que a decisão da Justiça de manter os deputados presos seja mantida.

Mais do que isso, peço a todos que compartilhem esta petição e acompanhem oo caso, para que não sejam esquecidos os nomes dos deputados que traíram o anseio popular, dando-lhe a devida resposta nas Eleições de 2018.



Hoje: Jean Carlos está contando com você!

Jean Carlos Novaes precisa do seu apoio na petição «Ministros do STF, mantenham as prisões dos deputados Picciani, Paulo Melo e Albertassi do Rio de Janeiro! #ForaCorruptos». Junte-se agora a Jean Carlos e mais 13.310 apoiadores.