Minha filha Ana precisa de um hospital especializado e corre RISCO DE VIDA

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 5.000!


Olá, meu nome é Raysa, sou de Patrocínio (Minas Gerais) e tive trigêmeos, entrando em trabalho de parto no dia 07/01/2019, com apenas 27 semanas de gestação. Estou criando este abaixo-assinado pela vida de minha pequena Ana Laura, que hoje pesa apenas 1.700g e corre risco de vida!

Ana foi a primeira a nascer, com apenas 820g, meu querido anjinho Enzo não conseguiu sobreviver ao trabalho de parto e a Maria Luiza nasceu com 865g. Consegui cadastrar as duas pelo SUS com facilidade, pois apresentaram problemas cardíacos e neurológicos, entretanto, não consegui vagas por falta de leito.

Na última semana, minha querida Maria Luiza foi diagnosticada com meningite e conseguimos sua vaga, ela foi transferida de hospital. Precisamos agora de uma transferência para Ana, que tem hidrocefalia e pode sofrer sequelas irreparáveis se não tiver um tratamento especializado o mais rápido possível!

Precisamos urgente que Ana seja atendida por uma equipe de cardiologistas e neurologistas. No momento, minhas pequenas estão em cidades diferentes e minha família está com muita dificuldade, preciso que Ana e Maria Luiza sejam tratadas na mesma cidade.

Te peço que assine esta petição, tenho sido muito forte em lutar pelas minhas pequenas, conto com a sua ajuda para que elas cresçam e tenham direito à uma vida feliz. Ajude minha família!

#TransfereaAna