Por um PT de lutas: Juliana presidenta, com a força da juventude!

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 100!


Por um PT de lutas: Juliana presidenta, com a força da juventude!

O Brasil atravessa um duro momento da sua história: sofreu um golpe jurídico-midiático-parlamentar e o povo pobre enfrenta agora uma dura retirada de direitos. Mas a crescente insatisfação popular frente às medidas do governo ilegítimo de Temer deixa evidente que parcelas cada vez maiores da população entendem que o golpe não foi apenas contra Dilma e a democracia: o golpe está em curso e é contra o povo trabalhador.

Neste contexto se insere o 6º Congresso do Partido dos Trabalhadores, momento único de reflexão e atualização do programa e da estratégia partidária. Não temos dúvida em afirmar que o PT é o maior instrumento de luta da classe trabalhadora brasileira, não está esgotado nem superado. Prova disso é a insistência das classes dominantes em tentar nos destruir.

Não podemos vacilar: precisamos derrotar as medidas do governo ilegítimo de Temer, retomar nossa democracia e sair da crise política e econômica. Lutar contra o golpe e em defesa dos direitos, rumo à greve geral no dia 28 de abril, é uma tarefa prioritária de toda a classe trabalhadora, especialmente da juventude.

Em São Paulo, os ataques da direita têm ainda mais nitidez. Na nossa cidade está a vanguarda do golpe, mas também da resistência. A disputa pelo Diretório Municipal da capital paulista ganha, assim, importância ímpar.

O PT governou nossa cidade por três vezes, trazendo importantes realizações para a juventude, sobretudo a juventude negra e periférica. Mas no último período o nosso Partido, em grande medida, se afastou de nossa base social. A despeito dos relevantes avanços do Governo de Fernando Haddad para a juventude, sofremos uma dura derrota eleitoral em todas as faixas etárias, inclusive em regiões historicamente mais alinhadas ao nosso projeto.

À frente da Prefeitura, Dória pretende vender o patrimônio público e dividir ainda mais a cidade entre o centro e a periferia, entre ricos e pobres. As novas gerações estão sendo alvo primordial dos retrocessos em curso: Dória tirou o leite dos estudantes da rede municipal, alterou as regras do transporte escolar diminuindo a sua cobertura, fala em cortar o passe livre estudantil, quer privatizar os nossos parques – importantes espaços de lazer e sociabilidade. O "empresário" encarna o sentimento de rejeição à política cada vez mais presente na juventude e se apresenta como um expoente da nova cara da direita.

Para barrar os retrocessos, precisamos estar em constante diálogo com a população, presentes e mobilizados nas diferentes localidades, descentralizando o debate, atuando na base em todos os diretórios zonais, nos bairros e comunidades, retomando o espaço que o PT já teve nos extremos da cidade.

Além disso, mais que necessária, a renovação geracional do PT é urgente para reatar os laços do Partido com a maioria da classe trabalhadora, que passou por uma profunda transição geracional. Mas não basta ser jovem, é preciso realizar também uma renovação política capaz de enfrentar os desafios históricos de uma nova situação, retomar e levantar as bandeiras de luta e reivindicações da juventude trabalhadora que o PT nasceu para defender.

Para isso, neste 9 de abril, vamos às urnas para eleger novas direções partidárias compromissadas com essa renovação política e geracional. Em São Paulo, ninguém melhor para travar esta disputa do que a companheira Juliana Cardoso! Ela é a pessoa certa para assumir a presidência do Diretório Municipal do PT, tem inegável diálogo com amplos setores da esquerda, com os movimentos sociais, com a juventude, as mulheres, e está nas lutas por todos os cantos da cidade.

Juliana Cardoso presidenta municipal do PT São Paulo!

Fora Dória! Fora Temer! Diretas Já! Nenhum direito a menos!


São Paulo, 04 de abril de 2017


Alexandre Pupo Quintino
Aline Andrade Rocha
Ana Carolina de Oliveira Tigre
Ana Carolina Fernandes da Silva
Ana Cláudia Souza
Ana Lídia de Oliveira Aguiar
André Esteves Cardozo de Mello
Antônio França Pinto Nascimento
Arthur Guilherme Almeida
Artur Alexandre Feijó da Silva
Ayara Carland Calixto
Barbara Lima
Bianca Apadma
Bruno Mazzi Torrecillas
Bruno Nunes
Bruno Rizzato
Caio Yamaguchi Ferreira
Camila Alves
Camila Furchi
Carol Bueno
Carol Protesto
Carol Quiquinato
Carolina Alves
Carolina Bueno Nogueira
Caroline Seeman
Clara Castellano
Clarice de Oliveira Nicolau
Danilo Strano
Darlece Pereira
Denise Santos Coutinho
Diego Pandullo
Diogo Fagundes
Ederson da Anunciação Pereira
Eliane Flauzino
Erika Sonora da Silva
Felipe Martinez
Felipe Santos
Fernando Alves Santana
Fernando Coelho
Fernando Ferreira dos Santos
Gabriel Hoffman
Gabriel Medina
Gabriel Motta Beré
Gabriel Silva de Sousa
Gabriela Bigal
Giovanna Colacioppo
Giovanna Valentim
Giulia Dias
Guilherme Weffort
Gustavo Jorge Silva
Henrique Vander Santos
Isabella Pereira
Iuri Codas
Jefferson Pecori Viana
Jéssica Ailanda
Jessica Marques Lima
Jéssica Martins Ribeiro
João Luís Lemos
João Paulo Silva
João Pedro Mello
João Santana
Jordana Dias Ferreira
José Henrique Ribeiro Justino
Joziane Santana
Juliana Casagrande
Juliana Reimberg
Kevin Alves Santana
Lara Soares de Freitas Deus
Larissa D’Alkimin
Larissa Gould
Laura Martin Cruz
Léa Marques
Lelo Purini
Leticia Coelho
Liz Guilherme Tozelli
Luã Cupolilo
Luis Fernando Biedermann
Lucas Kuntz
Luna Zarattini
Maïtê Guillard
Marcos Celeste
Mateus Soares de Souza
Mayara Thailane Fernandes da Silva
Michelle Lima
Myrla Martins
Nagela Rodrigues
Nathália Hoss Rocha
Olga Ellis Lima Roschel Gonçalves
Paula Masulk
Pedro Giovaneti Moura
Pedro Gustavo Aubert
Raul Bonetti
Roberta Marques Lima
Rodrigo Cesar
Shayanne dos Santos
Sofia Ramos
Stefanni Meneguesso
Suzi Alves
Tainan Martins
Taíres Santos
Tamires Costa dos Santos
Tamires El Fakih
Tamires Menezes Sobral
Tato Caiuby
Teresa França Pinto
Thiago Kimura
Victor Amatucci
Vinicius de Almeida Silva
Vitória Alexandre Feijó da Silva
Vitória Oliveira
Walter Fernandez
Willian Marques
Yasmin Morais



Hoje: Juliana está contando com você!

Juliana Cardoso precisa do seu apoio na petição «juventude: Por um PT de lutas: Juliana presidenta, com a força da juventude!». Junte-se agora a Juliana e mais 30 apoiadores.