A loja Tigresa deve fechar.

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 2.500!



Eu entrei na loja com meu filho no dia 01/02, quando a vendedora Tais me perguntou algo da Caixa, ele foi para o outro lado.
Em seguida ele deitou já desmaiado.
Aí quando vi meu filho ficando roxo, eu comecei a gritar e pedir socorro, ela disse para as meninas me tirarem e esperarem a ambulância, algum cliente perguntou se o carro dela estava fácil.
Quando vi que ambulância iria demorar peguei ele (já tem quase meu peso) algumas pessoas tentaram segurar pelos pés e uma senhora, hoje já identificada e parou o trânsito e um carro nos levou.
A dona da loja  não saiu do lugar do jeito que estava ficou e ao chegar no hospital o médico não sabia a causa e nem eu.
Então perdeu horas buscando o motivo da parada, quando um enfermeiro desconfiou de choque e me perguntou eu liguei para Adriana, para dona, para a loja e desligavam o telefone e em uma das ligações disseram que a Graça estava confirmando isto, mas se calaram.
Essa informação urgente como agora sabemos que a arada queimou, poderia ter mudado o quadro, já que ele voltou a respirar, só precisava de tratamento mais adequado, onde o médico parece ter errado também.
Essa loja tem que fechar, um desrespeito ao ser humano.