OPEREM AS CRIANÇAS COM PROBLEMAS DE CORAÇÃO DO DF

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 5.000!


1 em cada 100 crianças nascem com problema de coração. Elas precisam ser operadas poucos dias depois de nascer (algumas mais de uma vez  ao longo da vida).Caso não recebam o tratamento cirúrgico essas crianças morrem. 

Aqui em Brasília, O ICDF - Instituto de Cardiologia do Distrito Federal é o único hospital que opera crianças cardiopatas congênitas, e está sem insumos (remédios, utensílios, etc), por isso suspendeu as internações. 15 crianças estão internadas nas utis dos Hospitais regionais esperando ser chamadas. Algumas já pegaram infecção. Cerca de 70 crianças estão aguardando em casa, com a doença agravando e também sem receber a chamada para cirurgia.  

 

Algumas mães nos procuraram no https://www.instagram.com/cardiopatia_congenita/ e contaram suas histórias:

A Samara Santana, é mãe do Bernardo, nasc. 31/03/2020, com Drenagem anomalia total das veias pulmonares. internado desde 15.08.2020 no HCB, : 15/08/2020.  Já tem 3 liminares descumpridas, com multa diária de cinco mil reais e ainda não conseguiu a cirurgia.

A Elisete, mãe da Helena, está Internada desde 08.08.20, no HCB, tem Tetralogia de fallot, e também aguarda cirurgia, apesar de ter liminar judicial, que vem sendo descumprida desde agosto.

A Antônia de Carvalho, é mãe do Miguel, nasc. 09/08/2020, internado no HMIB, com Anomalia de Ebstein E atresia pulmonar, 

A Eduarda Lima é mãe do Pyetro, nasc. 19/ 07/2020,  internado no HRT, com Tetralogia de Fallot

O A. da mãe L. , nasc. junho.20 , internado no HMIB, descompensado, com drenagem anomala parcial de veias pulmonares CIA, FOP e Hipertensão pulmonar.

A Raquel de Sá, é mãe do Pedro, nascido em 25.11.2019 e internado no HCB desde 17.08.2020 com Insuficiência da Valva Tricúspide e Defeito do Septo ventricular, aguardando ciruriga no hospital especializado desde entao

Todas essas mães já conseguiram liminar judicial e ainda assim o GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL e a SECRETARIA DE SAÙDE não oferecem o atendimento de que elas precisam. 

Essas crianças correm risco de MORTE se não forem atendidas com urgência por uma equipe especializada em cirurgia cardio pediátrica.

Essas mães clamam por socorro e eu me junto a elas rogando a todas as autoridades que providenciem os insumos que o ICDF precisa para restabelecer o atendimento SUS que a secretaria de saúde já nega a essas crianças há tanto tempo.