Delegacia da Mulher e Vara Especializada em Violência Doméstica e Contra a Mulher Já!

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 200!


A violência contra a mulher como problema público, vem ocorrendo na sociedade brasileira com mais ênfase, nos últimos 25 anos em meio a vários obstáculos socioculturais. A prática de violência contra a mulher se disseminou pela sociedade, formando-se correntes de opinião com fortes apelos para a criminalização e a punição dessas formas de violência. Num contexto mais geral, este processo tem se confrontado com pelo menos 1 relevante fato contemporâneo: a crise atual do sistema de justiça criminal brasileiro que tem apresentado elevadas taxas de morosidade. A violência contra a mulher desempenhou um importante papel para o movimento de mulheres no Brasil. E esse movimento passou a buscar um diálogo com o Estado, cobrando a urgência de políticas que dessem respostas institucionais de prevenção e punição da violência praticada contra a mulher. Dentre as respostas apresentadas pelo Estado, a criação de delegacia especializada no atendimento de mulheres e varas especializadas em violência doméstica e contra a mulher, nos parecem as mais importantes. E Paulinia tem experimentado um aumento significativo do índice de violência doméstica e contra a mulher. No plano nacional, o novo contexto político-legal criado pela Constituição de 1988, colocou a necessidade de refletir a respeito da consolidação da cidadania, da abertura de novos canais de acesso à Justiça e neste pensamento, é que se tem pela urgência de o Município de Paulinia, pelo seu grau de importância no Estado de SP, ter a sua DDM e também uma Vara Especializada em Violência Doméstica e Contra a Mulher. 



Hoje: Miriam está contando com você!

Miriam Antunes precisa do seu apoio na petição «Governo do Estado de São Paulo: Delegacia da Mulher e Vara Especializada em Violência Doméstica e Contra a Mulher Já!». Junte-se agora a Miriam e mais 121 apoiadores.