Hospital São Vicente de Paulo precisa de ajuda: liberem o Santas Casas SUStentáveis

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 7.500!


Nós, abaixo-assinados, moradores do Aglomerado Urbano de Jundiaí, vimos requerer que o Governo do Estado libere recursos do Santas Casas SUStentáveis para o Hospital São Vicente de Paulo.

Desde 6 de novembro de 2015 o Hospital São Vicente de Paulo, de Jundiaí, está habilitado a receber o repasse mensal de R$ 2.156.559,19 do governo estadual por ser um dos 14 hospitais estruturantes do interior e Baixada Santista.

Se tivesse recebido desde janeiro de 2017 como foi assinado com o Estado seria um repasse de R$ 65 milhões, mas só nos deram uma ajuda de 15 milhões!

Dos 14 hospitais estruturantes, o São Vicente é o mais efetivo no cumprimento de metas que esta verba exige, batendo 95 % de efetividade segundo a própria Secretaria de Estado da Saúde, mas é o único que não recebe a verba do programa!

Hoje o financiamento do hospital custa cinco tabelas SUS, mas o Ministério da Saúde paga apenas uma. O restante do custeio deveria ser dividido entre governo estadual e municipal, mas a conta está toda no município, que banca mais de 80% do custeio. Só que com a crise e a queda de arrecadação, a única forma de não haver desassistência é o governo estadual assumir sua responsabilidade.

Em razão disso, e baseados em moção de apelo semelhante apresentada pela Câmara Municipal de Jundiaí, solicitamos a liberação urgente da verba já autorizada desde 2015.