Fluminense, NÃO contrate o Felipe Melo!!!

Fluminense, NÃO contrate o Felipe Melo!!!

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 1.000!
Com 1.000 assinaturas, é mais provável que essa petição seja recomendada a outras pessoas!
NIT - Núcleo de Inteligência Tricolor criou este abaixo-assinado para pressionar Fluminense F. C. e

A contratação de Felipe Melo pelo Fluminense é um desastre em várias dimensões.

Comecemos pelo óbvio, o lado técnico. Embora marcado por uma carreira vitoriosa, Felipe Melo notabilizou-se pela expulsão em Brasil x Holanda na Copa do Mundo de 2010 – devido a uma entrada criminosa, uma de suas especialiddades – e, já no fim de carreira, pela perda do pênalti decisivo na disputa pelo terceiro lugar do último Mundial de Clubes, levando o Palmeiras à pior colocação de um time brasileiro no torneio. Aos 38 anos, vindo de uma delicada contusão no joelho, ele nada agregará ao lado técnico do Flu, sobrando a outra face: violência e cafajestagem.

Além disso, o Fluminense tem se notabilizado por apoiar causas que remetem ao comportamento civilizado, em linha que se coaduna com as tradições do clube, marcado pela elegância e pela fidalguia. Seguindo essa direção, o clube criou a hashtag #timedetodos, a fim de desmascarar ataques homofóbicos das torcidas rivais, ação corroborada pelo uso, por parte de Nino, da camisa 24 com as cores do arco-irís, em homenagem ao Dia do Orgulho Gay. A camisa também foi usada como veículo para luta contra o racismo na recente Semana da Consciência Negra. Campanhas perfeitas em sua defesa da civilização, mas que caem por terra com a contratação de Felipe Melo. Ninguém como ele encarna tão bem a negação de todos esses - e outros - conceitos humanistas.

O Fluminense seguia esse caminho de maneira profunda, ao que parecia, até por inscrever no chamado "DNA Tricolor" a ideia de que a formação em Xerém calcava-se no lema "uma pessoa melhor, um jogador melhor". Como esse lema encontra a contratação de Felipe Melo? Como se sentem os profissionais de Xerém com a contratação de um homem que age de modo contrário a tudo o que eles procuram incutir nos jovens jogadores? O que devem estar pensando André, Martinelli, Calegari, Wallace, Luan, John Kennedy, Luiz Henrique e outros garotos que cresceram ouvindo - e tendo orgulho quando ouviam - que o Fluminense era um clube democrático e que professava ideais humanistas? Talvez se sintam enganados, como a parte da torcida que também é democrata e humanista.

Assim, se você é um tricolor que defende a democracia, a civilidade e a dignidade humana, assine esta petição contra a contratação de um jogador que nega todos esses valores.

 

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 1.000!
Com 1.000 assinaturas, é mais provável que essa petição seja recomendada a outras pessoas!