TRANSFORMA MARANHÃO "A luta contra AIDS Começou"

TRANSFORMA MARANHÃO "A luta contra AIDS Começou"

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 500!
Com 500 assinaturas, é mais provável que essa petição seja recomendada a outras pessoas!
CASA DE APOIO ACOLHER *Idealizador: Paulo Ribeiro criou este abaixo-assinado para pressionar Excelentíssimo Senhor Flávio Dino Governador do Estado do Maranhão e Assembléia Legislativa do Ma.

Queremos a  redução do HIV/AIDS em nosso Estado do Maranhão.  Necessitamos de Políticas públicas adequadas para tirarmos  o Estado do Maranhão, do crescimento desordenado do vírus HIV. Mais de 21.000 pessoas vivem e convivem com HIV/AIDS no Estado do Maranhão.  Mais de 5.000 vidas foram perdidas para AIDS de 1985 a 2019.

TRANSFORMA MARANHÃO " A luta contra AIDS começou"

*APLICATIVO É ALIADO NA PREVENÇÃO E COMBATE À AIDS*

Lançado recentemente, o aplicativo “Xovê” é o mais novo aliado na prevenção e combate ao HIV e à AIDS. Idealizado pela Casa Acolher, projeto que acolhe pessoas de todo o Maranhão que vivem e convivem com o vírus, ele foi pensado como uma forma fácil e objetiva de tirar dúvidas sobre transmissão e riscos do HIV e de outras infecções sexualmente transmissíveis (ISTs).

Além das orientações, em formatos de perguntas e respostas sobre HIV e AIDS, o aplicativo Xovê tem as localizações e referências dos locais de testagens e distribuição de preservativos em todo o Maranhão. “Tem um questionário que, por meio de perguntas básicas, ‘calcula’ o risco de qualquer pessoa contrair uma IST ou HIV”, explica Paulo Ribeiro, fundador da Casa Acolher e idealizador do apo Xovê.

No questionário, para cada opção selecionada, o app mostra o nível de risco ao qual a pessoa se expôs. Por exemplo: sexo vaginal com camisinha apresenta baixa possibilidade de contaminação; já o sexo oral sem prevenção traz mais riscos. E assim, por meio de perguntas e respostas, o Xovê mostra os riscos e faz as devidas orientações.

“O importante é realizar o teste e encarar essa realidade que é a possibilidade de contaminação. Quanto mais cedo se detectar a presença do HIV, maiores são as chances de uma vida normal, seguindo o tratamento e ficando, inclusive, intransmissível”, completa Paulo Ribeiro.

PANORAMA

De acordo com dados divulgados no segundo semestre de 2019, pela Unaids/ ONU, entre 2010 e 2018, houve um aumento de 21% nos casos no Brasil. O Maranhão, por sua vez, é o segundo com a maior incidência, tendo passado de 12,6% para 21,3% a taxa de incidência no Estado, entre 2007 e 2017. Atualmente no Maranhão, mais de 21 mil pessoas vivem e convivem com HIV/AIDS e mais de 5 mil pessoas já morreram vítimas de doenças causadas pela infecção.

Diante disso, a principal proposta da Casa Acolher com o aplicativo Xovê é conscientizar os jovens e adultos sobre as práticas sexuais que causam problemas para a saúde.

O aplicativo Xovê está disponível para smartphones que utilizando o sistema Android. Basta instalar no celular e navegar. Rolando a tela, dá para ver todas as práticas sexuais que podem ser selecionadas.

Vamos juntos lutarmos para redução da AIDS!

*SOBRE O APP “XOVÊ”*
Idealizador: Paulo Ribeiro, fundador da Casa ACOLHER (oferece acolhimento para pessoas que vivem e convivem com HIV e AIDS de todo Estado do Maranhão)
Contatos: (98) 98818-6272/99217-0717
Desenvolvedor: Metasix Tecnologia (SP)

 

 

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 500!
Com 500 assinaturas, é mais provável que essa petição seja recomendada a outras pessoas!