Integração do Terminal Xambá com o Terminal da Macaxeira

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 2.500!


Inaugurado em 2013, o T.I. Xambá em Olinda, inicialmente só tinha linha interligando ao T.I. Joana Bezerra. Com o tempo, foram criando ligações com o T.I. Largo da Paz e o mais recente, o T.I. PE15. Essas linhas, embora importantes, não resolveram talvez o maior problema de falta de linha do terminal, que é a linha para o T.I. da Macaxeira.
A demanda por essa linha é alta, tendo em vista que os moradores de bairros como Alto da Bondade terem que fazer uma rota com um ônibus para Xambá, outro para Joana Bezerra, um metrô e um terceiro ônibus para a UFPE por exemplo, quando o Alto da Bondade fica a 12km da UFPE pela BR 101. É enorme a quantidade de estudantes das universidades federais que precisam fazer essa rota diariamente, sem falar nos trabalhadores e trabalhadoras.
Por outro lado, essa linha também atenderia a um pleito de pelo menos 30 anos dos moradores da Vila Nossa Senhora da Conceição em Passarinho. Estes moradores convivem há três décadas com promessas de uma linha para o terminal da Macaxeira. Note que a distância entre o bairro de Passarinho e o Terminal da Macaxeira é de apenas 5km, e dezenas de moradores precisam se arriscar diariamente num caminho sem calçamento, sem calçadas, sem casas para ir até até a BR andando pegar um ônibus para a Macaxeira ou então, pegar três ônibus e um metrô para ir até a federal.

Texto: Movimento Comunitário O Grito - Passarinho, Página Xambá da Depressão



Hoje: Waleston está contando com você!

Waleston Lima precisa do seu apoio na petição «Erivaldo José Coutinho dos Santos: Integração do Terminal Xambá com o Terminal da Macaxeira». Junte-se agora a Waleston e mais 1.585 apoiadores.