DPME SP INAPTO NÃO!

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 500!


Nós professores candidato do concurso de PEB I, do Estado de São Paulo de 2014, que já atuamos na rede Estadual,Municipal e Privada há muito tempo aptos para função; por terem sido desconsiderados, pelo DPME, impedidos de tomar posse de seus cargos, mesmo com laudos que os declaram aptos para exercer a função sem nenhum motivo presente; a declaração dos Peritos do DPME para justificarem seus pareceres tem causado constrangimentos que fere a moral dos candidatos por eles atendidos.

São professores que obtiveram laudos médicos ignorados por peritos do DPME, com acusações inaptas vagas e que não coincidem com as opiniões médicas apontadas nos exames dos candidatos. 
Relatos dos professores, afirmam terem sofrido humilhações, constrangimento e intimidação moral. 

Exemplos de relatos:

1° Relato: ‘’O candidato, há sete anos exercendo a função como categoria O, jamais obteve uma licença médica. Durante os exames de admissão do concurso, foi constado um micro-nódulo nas cordas vocais. Na qual, foi feito o devido tratamento, e foi levado os laudos dos exames com os resultados constando ‘Apto para exercer a função. Contudo, na perícia do DPME, o otorrino responsável declarou o candidato inapto por ser ‘futuramente um problema para o Estado e caso, continuasse exercendo a função a situação do candidato poderia se agravar’’. 
 
2° Relato: ‘’O candidato foi declarado inapto, pois havia feito uma cirurgia no fêmur em 1996. No laudo constava que o mesmo não obtinha pouca flexibilidade na perna esquerda, sendo que, pratica esportes particularmente bem.  
O candidato possui dois laudos do ortopedista que o acompanha, constando que não possui nenhuma restrição, pois já exerce a função há 17 anos. Mesmo com seus exames de Raio-X, Tomografia e Escanometria, foi declarado inapto pelos peritos do DPME’’. 

3° Relato: " O candidato obteve seu resultado como inapto, por conter 85% da visão e ser considerado insuficiente. O perito chegou à sugerir que o mesmo se inscrevesse como deficiente visual. Sendo que, o candidato possui habilitação, e exerce a função em rede municipal ".