REDUÇÃO DO NÚMERO DE PARTIDOS POLÍTICOS.

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 200!


O objetivo principal desse Abaixo-assinado é promover uma mudança urgente e necessária no sistema político brasileiro, na redução do número de partidos políticos e de parlamentares através  de um plebiscito ou referendo.

REDUÇÃO DO NÚMERO DE PARTIDOS POLÍTICOS.

O desenvolvemento pleno do nosso País só será possível quando não houver mais inúmeros partidos políticos disputndo poder entre si para atender interesses de alguns grupos e não o da sociedade geral.

Precisamos estancar essas sangrias que paralizam o Brasil a séculos modernizando nossa política, mudança de conceitos e quebrando todas as barreiras que impedem o nosso crescimento sustentável.

A quantidade exagerada e desnecessária de partidos políticos que temos hoje, que buscam na sua maioria os seus próprios interesses de poder e não de uma visão de projeto para país, criando enormes barreias e atrasos para o nosso desenvolvimento.

Por isso é extremamente necessário a redução do número de partidos para apenas três, e que estes estejam em harmonia, engajados e compromissados não em fazer oposição entre si, mas firmados no compromisso de desenvolvimento sustentável da Nação nessas três áreas:

1- Partido do desenvolvimento Econômico.
2- Partido do desenvolvimento Social.
3- Partido da Soberania Nacional e Proteção Ambiental.

Com esse novo modelo político os propósitos  e objetivos estabelecidos serão únicos para os três partidos. Todos em harmonia de Visão, Missão e Valores para o projeto e futuro do nosso País.

COMO SERIA A FORMACÃO DOS PARTIDOS NO CONGRESSO?

Cada um dos 3 partidos poderia eleger 3 deputados Federais por Estado, totalizando na câmara 243 parlamentares;

Nos Estados e Municípios seguiram o mesmo modelo com deputados estaduais e vereadores, com a quantidade definida igual para cada partido nas câmaras legislativas.

Para o Senado cada partido poderia eleger 1 Senador por Estado), totalizando 81 senadores.

FIM DA REELEIÇÃO PRESIDENCIAL 

Fim da reeleição presidencial, com mandato de 6 anos.