Lei que coloque um limite ao ruído das motos nas ruas!

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 500!


Os animais tem uma audição mais sensível que a nossa, tanto os fogos de artifício, como outros barulhos altos também podem assustá-los. Nas ruas de cidades paulistas, não apenas na capital de São Paulo, animais domésticos (principalmente os cães) sofrem apavorados, podendo escapar de suas casas ou da sua coleira ou guia, podendo ainda serem atropelados. Um exemplo disso acontece quando passam um ou mais motoqueiros em motos, sendo elas tipo Harley Davidson ou qualquer outra, perturbando a paz das pessoas e animais. Para quê tem necessidade disso? Querem provar o quê com um barulho tão alto? Inclusive deveria ser proibido modificar o motor de carros e motocicletas, os fazendo ficar mais barulhentos. Se até música alta leva multa, porque essa poluição sonora (que definitivamente está longe de ser música) não é repreendida?

Tenho uma cachorrinha traumatizada e muito assustada, que me pegou de surpresa outro dia, quase saiu correndo atrás de uma moto, por pouco não arrancou a guia do meu pulso, enquanto estava passeando já de noite na calçada.

Proponho uma lei que regulamente essas motos, estabelecendo um limite de decibels, prevendo multar a oficina ou o motorista que ultrapassar este limite.

Pesquisando na internet, descobri que existe um limite, que a montadora Harley Davidson segue hoje, de 80dBm (decibels), porém antigamente o motor de uma moto dessas variava entre 90-100 dBm. Convertendo para Watts, 90dBm são 1.000.000 Watts e 80 dBm é o mesmo que 100.000 Watts.

Apoie esta causa, pelo bem dos animais!

Obrigada



Hoje: Izabel Ferreira está contando com você!

Izabel Ferreira Sandoval precisa do seu apoio na petição «Deputado Estadual Roberto Tripoli: Lei que limite o ruído das motos nas ruas!». Junte-se agora a Izabel Ferreira e mais 345 apoiadores.