Pelo fim das constrangedoras revistas íntimas aos familiares de presos no País.

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 100!


Não bastasse o fato de a família dos custodiados neste País serem vítimas do preconceito, da vergonha e da humilhação diária, quando vão se encontrar com seus parentes presos, têm de passar por constrangimentos desmedidos para fins de poderem adentrar às casas de custódia. 

Mas o peso maior ainda fica com as mulheres. No Rio de Janeiro, bastou que se instalassem aparelhos similares aos dos aeroportos para se ter uma eficácia melhor, sem muito custo, e a possibilitar aos agentes penitenciários agilidade e segurança na triagem das visitas. 

Uma boa medida de política pública! 



Hoje: José Cláudio está contando com você!

José Cláudio M. Barboza Jr. precisa do seu apoio na petição «Conselho Penitenciário Nacional: Pelo fim das constrangedoras revistas íntimas aos familiares de presos no País.». Junte-se agora a José Cláudio e mais 21 apoiadores.