EVITE A CRUELDADE ANIMAL! PERMITAM QUE EXÓTICOS DOMÉSTICOS VOEM NA CABINE COM SEUS TUTORES

EVITE A CRUELDADE ANIMAL! PERMITAM QUE EXÓTICOS DOMÉSTICOS VOEM NA CABINE COM SEUS TUTORES

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 1.000!
Com 1.000 assinaturas, é mais provável que essa petição seja recomendada a outras pessoas!
Letícia Aurich Peruzzo criou este abaixo-assinado para pressionar Companhias Aéreas e

"Sabemos como seu animal de estimação é importante para você", essa é uma das coisas mais citadas pelas empresas aéreas quando você procura transportar seu animalzinho de estimação em uma viagem. Mas será que sabem mesmo essa importância? Ou apenas cães e gatos são importantes? Estes, apesar de certa burocracia, possuem direito de ir na cabine com seus tutores, já animais como roedores (coelhos, hamsters, twisters), aves (calopsitas, papagaios) ou répteis (jabutis, geckos) devem ir no compartimento de carga "especial", tão especial que existem diversos casos de mortes de animais nesse ambiente.

Tenho 5 ratinhos twisters, de laboratório, (visto que são animais de colônia e não podem viver sozinhos), eles demandam bastante cuidado, recebem visita veterinária mensalmente, possuem alimentação balanceada e vivem numa gaiola que só de altura é 1,60m com bastante brinquedinhos e o mais chocante: SÃO MANSOS E CARINHOSOS. Meus ratinhos pedem carinho, dormem no colo, aprendem a fazer suas necessidades em seu banheirinho, são limpos, chamam para brincar, fazem truques como rodar e pular na mão, e dão "lambidinhas" de amor. E se duvidam, eles tem até um instagram: @ostresratoeiros, veja por si só.

Além disso, meus 5 ratinhos juntos não pesam 2kg, bem menos que um pinscher! E outra, não latem, miam ou fazem barulhos, são animais bem silenciosos e delicados (mais um motivo para irem na cabine e não serem despachados). Então a grande pergunta é: POR QUE ELES NÃO PODEM IR NA CABINE? Vão estar presos em uma caixa transportadora, provavelmente vão dormir a viagem toda, pesam menos que qualquer cachorro ou gato, não fedem, não possuem doenças, não são agressivos, não fazem barulhos, ou seja, não existe resposta com argumento plausível. Hoje, até hamster e calopsita precisam ser despachados, sendo que as empresas poderiam adotar regras parecidas para seus transportes dentro da cabine, evitando o estresse do animal e a preocupação de seu dono.

Moro em São Paulo com meu namorado mas meus pais moram na Bahia, pesquisei diversas companhias para o transporte dos nossos pets pois gostaria de visitar meus pais assim que possível, e não encontrei nenhuma que abraçasse essa dificuldade, e é algo que vi muita gente reclamando e passando por problemas. Deveriam sim exigir uma permissão de veterinário e comprovação de sua boa saúde, uma prova de serem domésticos e a justa cobrança de uma taxa (visto que quem tem ratos, possui de 2 pra cima), mas não considero justo excluí-los como se fossem apenas uma carga ou como se não fossem importantes para seus donos.

Por isso, é com muito amor, que peço que me ajudem, e ajudem todos que possuem pets um pouquinho fora do comum a viajarem sem preocupação. Qual vai ser a primeira empresa a abrir a mente e dar espaço para a gente?

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 1.000!
Com 1.000 assinaturas, é mais provável que essa petição seja recomendada a outras pessoas!