NÃO a animais vivos em estádio

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 100!


Torcedor do Palmeiras leva filhote de porco ao estádio em meio a fogos, gritaria e muito barulho. Um torcedor que mora em Anápolis, interior do estado de Goiás, viajou 60 km com um porco até a capital para acompanhar o jogo do Palmeiras. A partida, contra o Atlético-GO, aconteceu no último domingo (15), em Goiânia.

A imagem do torcedor sacudindo o porquinho durante o jogo foi exibida rapidamente no programa Fantástico, da Rede Globo. A única ressalva feita pelo programa foi deixar uma pergunta no ar sobre se é ou não permitido entrar com um porco em um estádio de futebol.


O estresse do animal no meio da torcida sendo manuseado por diversos torcedores é bastante notório pelas imagens. Vale lembrar que em um estádio há ruídos ensurdecedores da própria torcida e de fogos de artifício. Em todas as imagens é possível ver o torcedor gritando e sacudindo o animal.

Segundo o Art. 32 da LEI 9.605/98 (confira aqui), praticar abuso ou qualquer tipo de maus-tratos contra animais é crime. Caso o torcedor seja processado e termine sendo julgado, um juiz poderia perfeitamente interpretar o episódio como um caso de maus-tratos aos animais. O torcedor estaria sujeito à pena de detenção de três meses a um ano, e multa.

Esse mesmo torcedor já levou outros dois porcos a jogos do Palmeiras. A prática começou em 2004. Além de porcos, ele é conhecido entre os torcedores da equipe do Anápolis – time para o qual ele também diz torcer – por levar galos vivos aos jogos.

Para o canal de TV por assinatura ESPN, ele disse – aos gritos – que tem uma criação de porcos de estimação. Já para um portal de notícias local, chamado O Popular, ele disse que pegou o porquinho do chiqueiro de um amigo.

Se o Ministério Público não tomar uma providência, é possível que o ingresso de animais vivos em estádios vire moda entre os torcedores. Outra medida importante seria o Palmeiras emitir uma nota oficial repudiando a atitude do torcedor goiano.

 



Hoje: Danielle está contando com você!

Danielle De Oliveira Tavares precisa do seu apoio na petição «cmpf@mpf.mp.br: NÃO a animais vivos em estádio». Junte-se agora a Danielle e mais 6 apoiadores.