Assine pelo NÃO aumento das mensalidades do Clube Curitibano.

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 2.500!


Após um ano de 2020 repleto de dificuldades financeiras para todos os cidadãos, a DIRETORIA presidida pelo Sr. Joaquim Miró no CLUBE CURITIBANO propõe um aumento de mensalidades para engordar ainda mais o caixa do Clube.

Diferente de seus associados, o Clube Curitibano como instituição, teve um ano de bonanças e gestão fácil para a diretoria que:

1. Aproveitou-se dos benefícios concedidos pelo Governo Federal para afastamento de funcionários e redução de salários pagos pelo GOVERNO;

2. Valeu-se de Sedes FECHADAS por meses ou quando abertas com frequência próxima a ZERO, reduzindo drasticamente o consumo de ÁGUA, ENERGIA, GÁS, TOALHAS DE BANHO, PRODUTOS DE LIMPEZA e MANUTENÇÃO;

3. Demitiu dezenas, quase uma centena de funcionários, reduzindo ainda mais as despesas com folha de pagamento, inclusive com a demissão de funcionários de alto escalão, como os gerentes de Esportes e Administrativo e o Superintendente que ganhavam salários altíssimos;

4. Deixou de gastar com eventos tradicionais no CALENDÁRIO SOCIAL e ESPORTIVO do Clube, e que tem gastos MILIONÁRIOS, como:

- Baile de Aniversário do Clube

- Baile de Debutantes

- Festa Junina

- Shows e Peças de Teatro

- Campeonatos Esportivos e Jantares de Premiação dos respectivos eventos.

 

Por fim, verificamos que diversos CLUBES na cidade de Curitiba estão mantendo suas mensalidades inalteradas, a exemplo do Graciosa Country Club, cuja mensalidade permanece sem reajustes desde 2019 e será igual também no 1º semestre de 2021.

NO CLUBE CURITIBANO FALTA GESTÃO OU FALTA BOM SENSO E RESPEITO COM O SÓCIO ???