Abaixo-assinado encerrado

MANIFESTO A FAVOR DA IMPLANTAÇÃO DA CICLORROTA ILHABELA

Este abaixo-assinado conseguiu 36 apoiadores!


Nós, abaixo assinados, vimos por meio desse manifesto nos posicionar publicamente favoráveis à construção de ciclo-rrota no Sul da Ilhabela, pois a iniciativa representa um enorme passo em direção a uma cidade mais justa, mais inclusiva e mais democrática. 

As Ciclorrotas representam os melhores caminhos para se trafegar em bicicleta.   As vantagens não param por aí. A sinalização legitima a presença da bicicleta nas vias e estimula o compartilhamento e o respeito. Isso é o que o ciclista mais precisa. O custo é extremamente inferior ao de ciclovias segregadas, não há redução do espaço destinado ao automóvel e, como pudemos ver nas ciclorrotas já existentes, o tempo de implementação é muito mais curto.                                                              As vias sinalizadas como ciclorrotas não são caminhos exclusivos para bicicletas, como ciclovias e ciclofaixas. São espaços compartilhados, por isso não há a necessidade de cones, cavaletes, tachões ou outro tipo de separação física. Para entender melhor, veja aqui as diferenças entre ciclovia, ciclofaixa e ciclorrota.  Fonte: http://vadebike.org/ciclorrotas/

Mesmo que ainda existam pontos de melhora,  a implantação de ciclovia no centro da cidade foi grande marco de mobilidade, sendo uma realidade irreversível no plano moldal , mas a cidade ainda não está totalmente conectada ao principal ponto turístico, o Sul da Ilhabela/SP e sendo uma demanda antiga e necessária mesmo que ainda não atinjam toda a cidade, elas representam melhor aproveitamento do viário, com mais segurança e saúde para seus cidadãos, menos estresse, menos congestionamento e menos mortes no trânsito. Uma cidade que nossos filhos merecem receber de nossas mãos.

Sabemos que há, em algumas pessoas na cidade, que fazem movimentos contrários à implantação de ciclo-rrotas. São em geral preocupações locais, que fazem sentido somente se enxergarmos nossos bairros como partes isoladas da cidade - um individualismo sem nenhuma lógica. Enquanto negam o direito coletivo de utilização segura das ruas em bicicletas, essas vozes defendem ainda que o espaço público (de todos) siga sendo utilizado para fins particulares: vagas de estacionamento exclusivo de automóveis, em detrimento de vias de circulação de pessoas utilizando o veículo bicicleta.

É importante ressaltar que estacionar o carro na rua não é direito garantido por lei, seja na esfera municipal, estadual ou federal. Além disso, necessidades individuais não podem sobrepujar a coletividade e o direito do cidadão que utiliza a bicicleta de circular com mais segurança, sem se sentir ameaçado por pessoas que pensam de forma diferente e se utilizam de outros veículos.

A região sul de Ilhabela ainda está estacionada no século passado em relação à mobilidade. Negar o desenvolvimento sustentável e o uso da bicicleta como alternativa de transporte aos cidadãos é manter um conceito ultrapassado e já abandonado nas cidades mais desenvolvidas do mundo, além de negar a quem utiliza esse meio de transporte seu direito inalienável de escolha.

Na decisão de apoiar ou se opor à construção de ciclorrotas, deve-se pesar os pontos listados neste texto: Porque apoiar a implantação de ciclorrotas. 

Além dos cidadãos que assinam esse documento, subscrevem as entidades abaixo:

 



Hoje: Renato está contando com você!

Renato Abreu precisa do seu apoio na petição «CICLORROTA ILHABELA». Junte-se agora a Renato e mais 35 apoiadores.