REDUÇÃO DAS MENSALIDADES NO PERÍODO DE DISTANCIAMENTO SOCIAL - BELAS ARTES SÃO PAULO

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 2.500!


Inicialmente, gostaríamos de esclarecer que em hipótese alguma somos a favor da diminuição dos salários dos professores, funcionários e colaboradores da Instituição de forma geral. Toda e qualquer manifestação feita aqui é visando um equilíbrio dos pesos, onde não pretendemos prejudicar ninguém, mas também não queremos ser prejudicados.

O ensino remoto não vem sendo de fácil adaptação, mas entendemos que foi a saída encontrada para contornar nossa situação atual, mas pensamos que da forma que tudo vem sendo feito, nós alunos, estamos insatisfeitos ao pagar por algo que não temos um retorno equivalente.

1- Não estamos frequentando as instalações e seus laboratórios (que quando estão funcionando geram muitos custos), assim, gastos como água, internet, manutenções diárias e energia são inferiores.

2- Acreditamos que despesas menores, deveriam resultar em mensalidades com valores inferiores aos normalmente cobrados.

3- Devemos considerar também que não apenas a Belas Artes, mas todo o resto do mundo vem se reinventando para que na medida do possível, as coisas continuem funcionando. E assim, devemos lembrar que muitos alunos perderam seus estágios, muitos pais perderam seus empregos, o que resulta em diminuições bruscas na renda familiar.

4- Apoiamos a suspensão de juros por atraso de pagamento nas mensalidades durante a pandemia, uma vez que, cada empresa tem adotado uma maneira diferente de administrar o salário de seus funcionários, o que muitas vezes pode não condizer com o prazo de vencimento dos boletos.

5-Somos contra o parcelamento dessas mensalidades, uma vez que consideramos uma forma de acúmulo de dívidas, e ainda seria uma forma de pagar por um serviço que hoje não temos integralmente.

O aluno que perdeu o emprego neste cenário não tem R$2.000,00 para a mensalidade do mês, logo, não pode garantir que poderá pagar o valor normal+o acréscimo parcelado.

É muito importante lembrar que apesar da crise, por trás de cada número temos histórias e sonhos.

A ideia não é prejudicar a instituição e seus colaborados, mas reduzir nossos prejuízos.

Mesmo reconhecendo todos os esforços da faculdade para contornar a situação, nós ainda saímos prejudicados e contamos com cooperação e compreensão.

Cursos ministrados por meios digitais tem valores inferiores aos presenciais justamente porque rendem menos custos à universidade. E hoje, pagamos por um serviço que não temos.

Algo precisa ser feito... Muitos alunos entraram em contato dizendo que caso nada seja feito, terão de trancar seus cursos e desistir de seus sonhos.

É por isso que estamos aqui!

Sabemos que muitos alunos trancando afetaria eles, e não queremos nenhum dos lados prejudicados!

Vemos a Belas Artes como uma instituição flexível e queremos isso na prática.

Seguimos juntos. #ReduzBelasArtes