Skatepark no bairro Jardim São Nicolau, São Paulo.

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 1.500!


Nós, skatistas e moradoras do bairro de Jardim São Nicolau, apoiamos a construção de uma skatepark, ou uma pequena skate plaza, no bairro, em um terreno muito grande, com uma área de aproximadamente um campo de futebol, inutilizado, em que os moradores jogam queimam lixo, jogam animais mortos etc.

Uma pista de skate seria um lugar apropriado e seguro para que nós skatistas pudéssemos praticar nosso esporte sem incomodar as outras pessoas. Este local que sugerimos está abandonado, cheio de lixo e com mato crescendo a cada dia, o que causa muita insegurança para a população que vive ali perto. Um local que, por estar abandonado e nas condições que se encontra, é muito perigoso.

Nós skatistas não temos muitos lugares para praticar o esporte.  Praticamos o esporte somente nas escolas da região quando não há pessoas jogando bola, ou praticando qualquer outro esporte, nas quais podemos praticar apenas nos finais de semana, onde não há iluminação nem segurança no local. E, nessas escolas, (o único lugar que temos para a prática do esporte) ocasionalmente, surgem seguranças ou moradores reclamando sobre a prática do esporte no local, na maioria das vezes, proibindo a prática. Não há nenhuma pista de skate na região, nem locais apropriados para o skate, por isso, os skatistas ficam aglomerados em um único lugar, dificultando a prática do esporte.

O número de skatistas nesta região aumenta consideravelmente a cada ano, e junto com eles, aumenta a reclamação da falta de um espaço próprio para a prática do skate, tanto dos skatistas, como da população local.

Na região, temos mais de 10 quadras poliesportivas, 5 campos de futebol, 5 áreas com equipamentos de ginástica públicos, numerosas praças e nenhum local apropriado para o skate. Muitas dessas praças se encontram em condições precárias, sendo muitas vezes utilizadas por usuários de drogas e traficantes, causando medo na população local.

Nenhum dos esportes mencionados acima tiveram que lutar tão duro como nós, e para ter tão pouco. Fomos perseguidos por moradores e por proprietários de comércio local e sofremos discriminação, tudo pelo esporte que amamos e nos recusamos a desistir. Alguns casos de atropelamento envolvendo skatistas foram registrados nos últimos anos e mais de 60 skates foram confiscados ilegalmente, muitos de crianças de 13 anos ou menos.

Gostaríamos de recomendar parte desta área inutilizada para um possível local para a construção de uma skatepark por inúmeras razões:

É centralizado; é de acesso seguro a pé, de bicicleta, de carro ou de skate; é perto de linhas de ônibus já existentes; é de alta visibilidade; oferece variedade de atividades; é localizada em uma região, perto de comercio, postos de saúde escolas, universidade e áreas do tipo.

Ao contrario dos esportes mencionados anteriormente, não existem restrições médicas ou guias estabelecendo o desenho de uma skatepark. Não podemos descrever suficientemente a importância de construir uma área que oferece longevidade de uso através de seu próprio design. Isso pode ser reforçado somente se envolvendo skatistas e urbanistas em todos os aspectos, do design a construção.

Como já citado antes, o bairro exalta o oprimido numero de skatistas bem como a região demanda espaços para pratica de esportes de ação. Dessa rica experiência podemos certamente construir uma skatepark que vai dar oportunidade a skatistas de todas as idades e habilidades pelos próximos anos além de valorizar um espaço para entretenimento e esporte na região que sofre com a verticalização indiscriminada.

Em conclusão, gostaríamos de melhor descrever alguns argumentos. Primeiro, a fraude do “grande risco”. Estudos mostraram que o skate não é mais perigoso e certamente possui menos ameaça e danos aos membros do corpo e de vida, que uma piscina pública ou um equipamento de ginástica. Segundo, a necessidade de uma skatepark vai provar por ela mesma em seu primeiro dia de uso – nunca haverá um dia que a skatepark estará vazia, e pode acomodar um numero de usuários de uma vez que é comparado a no mínimo duas quadras poliesportivas. . E finalmente, porém certamente não por ultimo, uma skatepark com novo modo de arte trará aumento de lucro, turismo e reconhecimento para o local.

Local do terreno:

Próx. Rua Carlos Finlay, 417 - Jardim São Nicolau - Rua Batalha das Canoas, 124.



Hoje: Wilder está contando com você!

Wilder Roberto precisa do seu apoio na petição «Celso do Carmo Jatene: Skatepark no bairro Jardim São Nicolau, São Paulo.». Junte-se agora a Wilder e mais 1.101 apoiadores.