Abaixo-assinado encerrado

Visibilidade Lésbica Já - #SancionaDoria

Este abaixo-assinado conseguiu 121 apoiadores!


PETIÇÃO VISIBILIDADE LÉSBICA JÁ, SANCIONA DÓRIA

#VISIBILIDADELÉSBICAJÁ     #SANCIONADÓRIA

Em meio a tantos retrocessos, nossa mobilização conquistou uma vitória importante na Câmara dos Vereadores no dia 4 de outubro. Aprovamos, em segunda votação, o PL 363 /2004 que institui o Dia da Visibilidade Lésbica no calendário da cidade de São Paulo.

Esse PL, elaborado em 2004, pelos então vereadores petistas Flávia Pereira e Carlos Neder, foi desarquivado pela vereadora Juliana Cardoso esse PL e o reapresentou em agosto. Na primeira tentativa de colocar o Projeto para votação, Eduardo Tuma que presidia a sessão substituindo o Presidente da Casa, Milton Leite, impediu que o PL entrasse em pauta. Dias depois, o mandato da vereadora Juliana Cardoso conseguiu colocá-lo em pauta novamente, passando então pela Primeira Votação. Claro que não sem a rejeição de parte da bancada conservadora da atual legislatura.

No dia 4 de outubro, o PL da visibilidade lésbica enfrentou mais um desafio, a Segunda Votação. Mesmo com alguns votos contrários, o mesmo foi aprovado e agora segue para ser sancionado ou vetado pelo Prefeito João Dória. Assim, temos até 15 dias úteis para agitar as ruas e as redes numa grande mobilização para pressionar o Dória a SANCIONAR o PL da Visibilidade Lésbica!

Tá, mas por que visibilidade lésbica?

Bom, o dia da Visibilidade Lésbica é uma data construída pelo movimento lésbico brasileiro que, em 1996, reunido no Primeiro Seminário Nacional de Lésbicas no Rio de Janeiro conclamou a sociedade a comemorar no dia 29 de agosto o dia da Visibilidade Lésbica. Mas por quê? A reflexões e críticas do movimento de lésbicas brasileiro apontavam para uma invisibilidade de suas pautas no movimento feminista, no movimento LGBT e na sociedade como um todo.

E por que isso é tão importante pressionar Dória para aprovar esse PL?

Em primeiro lugar, ter no calendário oficial da cidade de São Paulo o Dia da Visibilidade Lésbica é uma forma de pautar os serviços públicos a abordar o tema seja com os funcionários, o que contribui para sua sensibilização em relação ao tratamento digno, respeitoso e inclusivo das mulheres lésbicas, seja com usuárias/os dos serviços.

Além disso, bom, vocês têm acompanhado a onda conservadora que nos assola nesse último período, né? É a volta da Cura Gay, Escola sem Partido avançado nas cidades brasileiras, ensino religioso confessional aprovado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), censura nas artes e por aí vai! Numa maré braba como essa, ter a visibilidade lésbica inserida no calendário da cidade é uma notícia mais do que boa, é uma vitória e tanto! Mas certamente, em razão da articulação dessa ultradireita conservadora encabeçada por movimentos como MBL, Vem pra Rua, Endireita Brasil entre outros, haverá muita pressão para Dória Vetar o PL da Visibilidade Lésbica. E pior, tudo indica, pelas movimentações recentes destes grupos que uma onda de retrocessos deve invadir São Paulo.

Assim, pressionar Dória a sancionar o PL 363/2004 da visibilidade lésbica tem um duplo papel nesse momento. Por um lado, fazemos justiça a luta das lésbicas por sua visibilidade, pautamos os serviços e o Estado para atender as demandas dessas mulheres. Por outro, criamos uma onda de resistência nas redes e nas ruas contra os retrocessos como Cura Gay, Escola Sem Partido e outros absurdos.

Por isso, demos início a essa petição para pressionar o Prefeito João Dória a SANCIONAR O PL da Visibilidade Lésbica! Assine você também e compartilhe com seus contatos, essa mobilização das redes.

 



Hoje: Juliana está contando com você!

Juliana Cardoso precisa do seu apoio na petição «Camila Furchi: Visibilidade Lésbica Já - #SancionaDoria». Junte-se agora a Juliana e mais 120 apoiadores.