Criação de Políticas Econômicas aos Farmacêuticos Clínicos e Estetas

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 1.000!


Com objetivo de solicitar a atenção dos governantes do poder executivo e legislativo, para nós farmacêuticos estetas e clínicos que atuamos de forma autônoma em clínicas, onde na maioria somos empreendedores e empregamos muitas pessoas que dependem para o sustento próprio e de seus familiares.

Com esta situação da Pandemia do COVID-19 estamos impossibilitados de trabalhar e cumprir com os nossos compromissos fiscais, pagamentos de funcionários, pagamentos de fornecedores e custos fixos como aluguel, telefone, água, luz, etc que mensalmente as nossas clínicas possui, visto que dependemos exclusivamente de nossa prestação de serviço para termos o nosso rendimento mensal.

Solicitamos políticas de apoio econômico, suporte, linhas de crédito com juro zero ou baixo e com carência de início de pagamento e uma forma fiscal diferenciada que nos motivem a continuar a empreender.

Somos responsáveis por manter sua estrutura de trabalho cercada de equipamentos, normas sanitárias e funcionários. Os farmacêuticos de forma geral tendo um campo de atuação de mais de 135 áreas é uma classe que nunca se encaixa nas políticas de apoio e desenvolvimento do governo, seja liberando linhas de crédito ou uma atenção diferenciada quando relacionada a impostos e incentivos.

Hoje também somos também classificados como profissionais liberais, seguindo as regras de outras profissões que não necessitam da complexa estrutura necessária para desempenhar seu trabalho como médicos, advogados entre outros. 

E com a sua compreensão neste momento tão difícil necessitamos do seu apoio e atenda as nossas necessidades para juntos inciarmos um novo crescimento econômico sustentável,