Aprovar urgente a PEC para que crimes sejam imprescritíveis

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 1.000!


"Teu dever é lutar pelo Direito, mas se um dia encontrares o Direito em conflito com a Justiça, luta pela Justiça." Eduardo Juan Couture

 O Grupo Vítimas Unidas, com 130.000 (cento e trinta mil) participantes e os demais signatários assinados, representantes da sociedade, vem por meio desta petição, invocar o apoio ao projeto relatado pela Senadora Simone Tebet, a saber, a aprovação da PEC que torna o crime de estupro imprescritível é fundamental e desejamos também, ampliar este mesmo benefício para crimes contra a vida e a saúde de uma pessoa.

 A PEC, de autoria do senador Jorge Viana (PT-AC), permite que as vítimas denunciem o crime à Justiça a qualquer tempo. Hoje, esse prazo é de 20 anos, após o qual ocorre a prescrição. A medida está parada na Câmara dos Deputados devido a intervenção federal nos Estados do Rio de Janeiro e de Roraima até 31 de Dezembro.

 Todos estão naturalmente a par dos acontecimentos monstruosos envolvendo João Teixeira de Faria, alcunha João de Deus, desta grande maldade que acometeu tantas mulheres.  Temos que tentar e aprender e fazer o bem tornando este crime exemplar a título de benefício para todas as vítimas em nosso País.

 "Para Simone Tebet, as denúncias contra o líder espiritual, se comprovadas, demonstram o quanto a retirada da prescrição para casos de estupro é importante. “Muitos casos denunciados contra João de Deus e contra outros, se comprovados, estão prescritos. "Cruel, injusto”, escreveu a senadora.

 Esclarecemos que as vítimas não apenas estão chorando, estão com traumas irreparáveis e desejamos que todos os envolvidos, que tem ou tinham conhecimento do que ocorria naquele local, sejam também, devidamente interrogados. De fato, este criminoso é causador de um desastre sem parâmetros e recentemente foi decretada sua prisão preventiva.

 Os cidadãos honrados da nossa Nação entendem que a justiça existe somente sobre a luz da Legalidade e Moralidade. Devemos como sociedade, limitar este indivíduo criminoso à sua insignificância e em breve esquecer que ele existe em uma de nossas cadeias públicas.

 Diante disso, do sofrimento das famílias e da indignação de todos, na voz do Grupo Vítimas Unidas, nós, administradores e participantes juntamente com as vítimas e grandes humanistas que comungam de valores familiares e constitucionais, estamos procurando dar apoio jurídico e psicológico para este imenso número de pessoas que sofrem em todo Brasil, todo tipo de crimes.

Agradecemos,

-Maria do Carmo dos Santos: Presidente Grupo Vítimas Unidas, Professora, Doutora da Universidade Federal de Rondônia -https://www.facebook.com/groups/vitimasunidas

-Sabrina Bittencourt-Porta voz e co fundadora do movimento COAME -Combate ao Abuso no meio Espiritual www.coamebr.tk

-Vana Lopes: (Vanuzia Leite Lopes ) Fundadora do Grupo Vítimas Unidas, Mãe, avó, poetisa, estilista, ativista de direitos humanos e direitos dos animais. Autora do Livro Bem-vindo ao Inferno- A história de Vana Lopes a vítima que caçou o médico estuprador Roger Abdelmassih

-Giulio Sa Ferrrai, ativista, cineasta e co fundador do www.chegadeabuso.org

-Tais Teixeira Camenzind: Empresaria, Vice presidente Grupo Vítimas Unidas, fundadora Grupo Fertilização  in Vitro 

-Dietmar Starke: Diretor de Relações Internacionais do Grupo Vítimas Unidas. Arquiteto e Urbanista

-Eloisa Alves Oliveira: Diretora de Apoio Grupo e Grupo Vítimas Unidas PRIMEIRA ÁRBITRA de futebol do Brasil, Licenciada em Letras Vernáculas e literatura Brasileira, Professora de Língua Portuguesa, Contabilista, Especialista em Assédio Moral e Sexual. Petroleira durante 26 anos.

-Tatiana Rolim: Diretora inclusão social Grupo Vítimas Unidas Psicóloga, Neuropsicóloga, especializada em estudos da Violência, escritora de livros, ativista em movimentos sociais para pessoas com deficiência, mulheres e outros.

-Fátima Miranda: Diretora de Artes Grupo Vítimas Unidas – Acadêmica, Blogueira, Teóloga, Radialista, Ativista Social, Designer Mídia Virtual, Articulista, Compositora.

-Gilbert Camenzind:Empresario, Diretor Fiscal Grupo Vítimas Unidas

-Conceição Fonseca: Diretora de Apoio Grupo Vítimas Unidas, Doutora em Linguística, com especialidade em Análise de Discurso pela Unicamp.Professora na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, nos cursos de Direito, na graduação, cursos de mestrado e doutorado.

-Rosangela Llanos: Diretora de Apoio Grupo Vítimas Unidas, Perita, Investigadora Criminal Forense.

-Alexandre R de Carvalho: Diretor de Apoio Grupo Vítimas Unidas, Psicólogo Tradutor Publico e interprete comercial, inscrito Jucesp número 573

-Magali dos Santos Silva: Diretora grupo Vítimas Unidas
-Ava Gambel Administrador Grupo Vitimas Unidas
-Regina Araujo: Diretora de Apoio Grupo Vítimas Unidas
--Sonia Fatima Moura: Mãe Eliza Samudio e avó de Bruninho
-Elizandra Moura e família: Tia Eliza Samudio

-Roberto Mangraviti-Facility Manager Portal sustentabilidade Colaborador altruista Grupo Vítimas Unidas 

- Fatima Ranaldo Colaboradora altruista Grupo Vítimas Unidas

-Elizangela zukcon ,enfermeira, bacharel em direito, corretora de imoveis moderadora do grupo vítimas unidas

-Rossana Neaime Bonaldo, formada em Direito pela UNIP, mestrado LLM pela Thomas Jefferson School of Law em Direito Internacional Tributário e Tratados Internacionais-moderadora Grupo Vítimas Unidas 

-Vanessa Norcia Serrão, colaboradora do portal ANDA - Agência de Notícias de Direitos Animais

-Cristiane Souza, Fundadora grupo Somos Rosas e colaboradora Grupo Vitimas Unidas eitos Animais

Nossos advogados, Dr Martim Sampaio e Eduardo Von Sampaio

Email para contato e denúncias-
vitimas-unidas@hotmail.com
Fonte da imagem e parte do texto: https://exame.abril.com.br/brasil/senadora-quer-que-crime-de-estupro-seja-imprescritivel-apos-joao-de-deus/

 

 



Hoje: Grupo vitimas Unidas está contando com você!

Grupo vitimas Unidas precisa do seu apoio na petição «Câmara dos Deputados : Aprovar urgente a PEC para que crimes sejam imprescritíveis». Junte-se agora a Grupo vitimas Unidas e mais 566 apoiadores.