BLOCÓDROMO PARA MEGA BLOCOS EM 2020

0 have signed. Let’s get to 2,500!


Em função das cenas de abuso, desrespeito e sujeira observadas durante o desfile de MEGA BLOCOS de carnaval no último mês de março de 2019, estamos fazendo um abaixo-assinado online, solicitando que não seja mais autorizado o desfile de MEGA BLOCOS nas ruas internas dos bairros e praia.                                         Este abaixo-assinado inclui comerciantes e moradores e será levado ao Prefeito, Marcelo Crivella e ao Presidente da Riotur, Marcelo Alves.
Vandalismo, impossibilidade de acesso do ir e vir são consequências da desorganização, excesso de gente e venda irregular de bebidas alcoólicas nas ruas de bairros residenciais. Embora o Rio de janeiro seja conhecido mundialmente pelo CARNAVAL, precisamos revitalizar o carnaval de rua a partir da tradição carioca em que foliões brincam, cantam, e divertem-se de modo espontânea em seu ambiente residencial. A participação de patrocínio exclusivo de cervejarias mudou o rumo do carnaval carioca. Na prática há excesso de ambulantes, inclusive crianças vendendo bebida alcoólica, com o aval do governo e da sociedade.

SUGESTÕES PARA O DESFILE DE MEGABLOCOS CARNAVAL EM 2020: transferência dos MEGABLOCOS da praia para as instalações OLÍMPICAS criando o BLOCÓDROMO, espaço este a ser explorado pela RIOTUR com patrocínio das cervejarias, restaurantes e venda de ingressos.
O Rio de Janeiro teria então dois bons espaços culturais: o Blocódromo para quem gosta dos MEGABLOCOS diurnos e o Sambódromo para quem gosta do desfile noturno das escolas de samba.
Neste contexto, torna-se fundamental a seleção e o treinamento da PMs e GMs para a fiscalização deste tipo de evento, já que a exclusiva presença física em ambientes com milhares de pessoas vem se revelando ineficiente, incapaz de dar segurança e um mínimo de ordem ao caos em que se transforma o Rio de Janeiro durante o carnaval. O carnaval deste ano provou mais uma vez que não existe infraestrutura para os MEGA BLOCOS desfilarem nas ruas internas dos bairros e muito menos na ORLA. Este crescimento também aconteceu com as escolas de samba o que levou a construção do SAMBODROMO. Agora chegou a vez dos blocos terem o BLOCÓDROMO.

O trabalho do Superintendente da zona Sul, Marcelo Maywald e toda a equipe da Prefeitura tem sido excelente porem com resultados pontuais transferindo o problema para outros pontos do bairro. Achamos impossível este tipo de fiscalização todos os dias nos mesmos locais depois que a multidão se formou. A fiscalização deve ser preventiva para evitar as aglomerações pós blocos.
DEFINITIVAMENTE NÃO EXISTE INFRAESTRUTURA NOS BAIRROS PARA O DESFILE DE GRANDES BLOCOS COM PATROCÍNIOS!!!!