Contra nomeação de Luiz Inácio Lula da Silva ao Prêmio Nobel

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 100!


         A doutrina do nazista Paul Joseph Goebbels "Uma mentira repetida mil vezes torna-se verdade" é a base do partido de Luiz Inácio "Lula" da Silva (ex-presidente do Brasil) para tornar mártir um criminoso contumaz, condenado em primeira instância por um juiz legalmente constituído, e posteriormente por um colegiado de três desembargadores.

        Com bases em informações mentirosas, um grupo político, TAMBÉM INDICIADO PELOS MESMOS CRIMES DE LULA, tenta "promover" este criminoso comum a uma posição imerecida de laureado pelo Prêmio Nobel da Paz. São as bases desta mentira: 1- que a condenação é política, 2- que as instâncias judiciais foram parciais, 3- que a população brasileira é contrária à condenação, 4- que "Lula" retirou da miséria 30.000.000 de pessoas.

DOS FATOS:

          1- A acusação e a condenação decorreram de crime de enriquecimento ilícito a partir de atos de corrupção passiva, onde favorecimentos ilegais a empresas e empresários estão fartamente comprovados por elementos probatórios robustos e incontestáveis. Este processo, conhecido como "Lava Jato" além de partidários políticos de Lula, também levanta crimes comuns de corrupção por parte de correligionários de vários outros partidos, inclusive de oposição ao de "Lula".

          2- Não há nenhuma irregularidade comprovada ou mesmo aventada por todos os juristas do país, exceto aqueles que são pagos pelos criminosos. Ao contrário, grande número de correligionários partidários que se enriqueceram ilicitamente, que fizeram parte da administração política de Lula também já foram julgados e condenados.

          3- Há sim incontestável diferença numérica entre os grupos de manifestantes a favor da condenação e penalização de Lula (a grande maioria) e uma ínfima minoria de pessoas pagas para defender o partido e seu líder (Lula).

          4- Uma das mais escabrosas mentiras a afirmação de que "Lula" retirou da miséria 30.000.000 de pessoas da miséria é desmentida pelo próprio "Lula" em palestra proferida por ele mesmo em seu "Instituto Lula", conforme comprova o vídeo da internet sob ligação: ( https://youtu.be/M5bOtqmvJHE ), onde o mesmo confessa que os números que apresenta são inventados e inverídicos, com intuito de enganar e extorquir os incautos.

 

     Com base nestes elemento, nós abaixo assinados respeitosamente solicitamos a criteriosa avaliação da postulação deste criminoso ao Prêmio Nobel da Paz, com a certeza de sua rejeição posto do imerecimento e sob pena de descrédito deste respeitável prêmio.

 

Assim firmamos: