Linhão de 138kV não pode passar sobre as comunidades

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 500!


Para interligação de uma nova subestação elétrica no município de Parauapebas/PA, a CELPA optou por interligar através de um encaminhamento cortando vários bairros, sobre calçadas e vias de acesso; ao invés de uma faixa de servidão dedicada. Esta situação trará para as comunidades uma exposição a radiação eletromagnética de 138kV (câncer), está sendo implantada sem a licença prévia do projeto, tem o risco de queda de postes de 28-30m sobre os imóveis, desvalorização dos imóveis, inabilitação de expansão vertical dos  imóveis, inviabilidade de uma creche municipal, exposição ao risco de choques elétricos devido ao aterramento ineficiente, entre outros problemas.



Hoje: Pâmela está contando com você!

Pâmela Castro precisa do seu apoio na petição «ANEEL: Linhão de 138kV não pode passar sobre as comunidades». Junte-se agora a Pâmela e mais 327 apoiadores.