Petition Closed
Petitioning Presidente de Portugal Aníbal Cavaco Silva and 1 other

Responder com urgência às alterações climáticas, definindo uma meta de energia renovável de 100 % até 2050

As mudanças climáticas são um dos maiores desafios morais do nosso tempo. Elas ameaçam a saúde do nosso planeta e das pessoas, especialmente os mais pobres e vulneráveis. Elas ameaçam o futuro dos nossos filhos e tudo o que nos é mais precioso. É tempo para todos nós acordarmos e tomarmos atitudes em conjunto - em nossas comunidades locais, nacionais e global, bem como em nossas vidas diárias.

Como cidadãos motivados pela fé e outras tradições morais, reconhecemos que há uma forte obrigação de agirmos sobre as mudanças climáticas.

Pedimos a vocês, como líderes, para responderem com urgência às ameaças das mudanças climáticas e definirem uma meta de 100% de energias renováveis até 2050. Precisamos de uma ação corajosa como esta para mantermos o aumento da temperatura global abaixo de dois graus, para eliminar progressivamente a poluição de carbono a zero e para investir recursos em modelos de desenvolvimento sustentável para construir um mundo mais próspero, inclusivo e equilibrado.

Comprometemo-nos a fazer a nossa parte, aceitando a responsabilidade moral de cuidar do nosso mundo e do próximo, buscando viver de maneira mais harmonica e sustentável, com mais alegria e compaixão.

Vamos agir juntos, de maneira ambiciosa e concreta para construir uma vida melhor para todos.

This petition was delivered to:
  • Presidente de Portugal
    Aníbal Cavaco Silva
  • Secretário- Geral das Nações Unidas
    Ban Ki-moon


    Rev. Gustavo Gutiérrez Merino started this petition with a single signature, and now has 337,005 supporters. Start a petition today to change something you care about.




    Stand with luisa

    luisa vasconcellos needs your help with “Aníbal Cavaco Silva, Ban Ki-moon: Responder com urgência às alterações climáticas , definindo uma meta de energia renovável de 100 % até 2050”. Join luisa and 337,004 supporters today.