Cruelty Free International

8,400 supporters

Cruelty Free International is the leading organisation working to end animal experiments worldwide.

Started 2 petitions

Petitioning The Hon Pravind Kumar Jugnauth, Prime Minister of Mauritius and the Mauritius Parliament

Please do not allow animal experiments to take place in Mauritius

Mauritius is already one of the world's largest suppliers of monkeys for the research industry, exporting thousands of animals every year to the USA and the European Union. Now, a recent decision taken by the Mauritius Cabinet Office could result in the setting up of animal laboratories allowing experiments to take place on the island. Thousands of animals, including the country’s native population of monkeys, are at risk of being imprisoned in laboratories for use in experiments, during which they will be subjected to pain, suffering and distress. In addition to the ethical objections and the strong scientific arguments against the use of animals in research, there is now a wide range of more human-relevant and humane alternatives available. Please join Cruelty Free International, Sitwayen Animal and Progress Science/NO Animal Experiments in Mauritius with our campaign calling on the Prime Minister of Mauritius, Members of the Mauritius Parliament and the President of Mauritius to not allow animal suffering and cruelty. Instead, make Mauritius a forward thinking country that adopts humane and cutting edge alternatives. Please watch our video showing the reality of life for monkeys in one EU laboratory [warning - some viewers may find the video upsetting] Find out more about our work to protect the animals of Mauritius: Cruelty Free International Sitwayen Animal Progress Science/NO Animal Experiments in Mauritius  

Cruelty Free International
6,981 supporters
Petitioning Sr. Gilberto Kassab, Ministro da Ciência, Tecnologia e Informação (MCTI), Sr. Mendonça Filho, Ministro da Educação (ME)

Diga NÃO ao uso de cães de rua em experimentos e aulas práticas

É o pior pesadelo de todos aqueles que amam cães.No Brasil não há legislação federal para proteger cães andarilhos, sem lar, perdidos ou abandonados de terminarem em um laboratório ou sala de aula. Cães que estejam perdidos ou abandonados e que acabaram em CCZs (Centros de Controle de Zoonoses) têm sido entregues a universidades onde são utilizados em experiências científicas ou deliberadamente ultrajados e mortos como prática de ensino em faculdades médicas, veterinárias e afins. Nossos cientistas identificaram artigos publicados nos últimos anos por pesquisadores brasileiros que relatam experimentos cruéis em cães. Em um desses artigos, foram utilizados 35 cães de procedência não declarada para verificar se um novo tipo de banda gástrica poderia ser utilizada no tratamento de pacientes humanos com obesidade mórbida. Isto foi o suficiente para que pesquisadores cortassem os abdomens de cães e envolvessem seus estômagos em bandas visando restringir o tamanho da abertura deliberadamente provocada. Alguns desses cães morreram em função de “complicações'' cirúrgicas – teriam sofrido deficiência vitamínica, problemas respiratórios e obstrução de seus intestinos. Os pesquisadores afirmaram que estas são “complicações comuns" associadas à esse tipo de prática cirúrgica. Outros desses cães simplesmente definharam - quatro cães perderam mais da metade do seu peso corporal. Após 30 dias os animais restantes foram mortos e dissecados. Esse é um terrível acontecimento. Tratar cães como mercadorias descartáveis e vê-los como meras ferramentas didáticas sem qualquer consideração pelas suas vidas é moralmente errado. Acreditamos também que isto é científica e didaticamente desnecessário. Nesse sentido, muitas alternativas viáveis ao uso de cães no ensino são existentes e muitas escolas e faculdades ao redor do mundo estão usando-as de forma muito bem sucedida combinando simulações computacionais, modelos físicos e pacientes animais reais e espontâneos no lugar de práticas ultrapassadas. Com sua ajuda podemos por fim a esse escândalo. A União Europeia proibiu o uso de cães andarilhos em experiências científicas e nosso trabalho tem contribuído para garantir que esta prática cruel tenha se tornado uma coisa do passado em muitos países. Por favor, assine esta petição agora e ajude-nos a divulgar uma forte mensagem de que cães em abrigos devem encontrar lares amorosos - e não laboratórios ou salas de aula. Se um número suficiente de nós levantarmos nossas vozes pelos cães, juntos poderemos convencer o governo a proteger cães andarilhos e aqueles existentes em abrigos de serem entregues a laboratórios e faculdades médicas, veterinárias e afins.

Cruelty Free International
1,419 supporters